Particularidades do Arduino Leonardo e Micro

1 Flares Twitter 0 Facebook 1 Google+ 0 1 Flares ×

Em geral, você programa e usa a placa Arduino Leonardo e a Micro como faria com outras placas Arduino. Há, contudo, algumas diferenças importantes.

Comunicação USB embarcada no microcontrolador

As placas Leonardo e Micro diferem de outros Arduinos que usam um único microcontrolador para executar seus programas e para a comunicação USB com o computador. O Uno e outras placas usam microcontroladores separados para estas duas funções, o que significa que a conexão USB para o computador permanece estabelecido, independentemente do estado do microcontrolador principal. Ao combinar essas duas funções em um único processador, o Leonardo permite uma maior flexibilidade na sua comunicação com o computador. Ela também ajuda a reduzir o custo da placa removendo a necessidade de um processador adicional.

Reinicialização da porta serial quando o Arduino é resetado

Uma vez que as placas não têm um chip dedicado para lidar com a comunicação serial, isso significa que a porta serial é virtual. Assim como o computador cria uma instância do controlador de porta serial quando você conecta em qualquer Arduino, o Leonardo / Micro cria uma instância de série sempre que executa o seu bootloader. A placa é uma instância de USB’s Connected Device Class (CDC) driver.

Isto significa que cada vez que você reiniciar a placa, a conexão serial USB será quebrado e re-estabelecida. A placa irá desaparecer da lista de portas seriais e a lista vai voltar a renumerara-la. Qualquer programa que tem uma conexão serial aberta ao Leonardo vai perder sua conexão. Isso está em contraste com o Arduino Uno, com o qual você pode reiniciar o processador principal (o ATmega328P) sem fechar a conexão USB (que é mantido pelo ATmega8U2 secundário ou processador ATmega16U2). Esta diferença tem implicações para a instalação do driver, upload, e comunicação.

Quando você abre a porta serial sem reiniciar a placa

Ao contrário do Arduino Uno, o Leonardo e Micro não irá reiniciar o seu programa quando você abre uma porta serial no computador. Isso significa que você não vai ver os dados que já foram enviados para o computador pela porta serial , incluindo, por exemplo, a maioria dos dados enviados na função setup().

Esta mudança significa que se você estiver usando qualquer comando da biblioteca Serial – print(), println() or write() –  em sua função setup, eles não vão aparecer quando você abrir o monitor serial. Para contornar isso, você pode verificar se a porta serial é aberta depois de chamar Serial.begin() da seguinte forma:

Serial.begin(9600);
 // enquanto não houver comunicação serial, não faça nada
 while (!Serial) ;

Emulação do teclado e mouse

Uma vantagem de usar um único chip para os seus programas e para USB é o aumento da flexibilidade na comunicação com o computador. Enquanto a placa aparece como uma porta serial virtual para o seu sistema operacional (também chamado de CDC) para programação e comunicação (como acontece com o Arduino Uno), ele também pode se comportar como um teclado ou mouse (HID).

Separação de comunicação USB e serial

No Leonardo e Micro, a principal classe Serial refere-se ao virtual serial driver na placa para conexão ao computador via USB. Nele, a porta serial não é ligada aos pinos físicos 0 e 1 como ele é no Uno e nas placas anteriores. Para utilizar a porta de série do hardware (pinos 0 e 1, RX e TX), use Serial1.

As diferenças nas capacidades dos pinos.

O Leonardo tem algumas pequenas diferenças nas capacidades e atribuições de vários pinos (especialmente para SPI e TWI).

leonardov2

 

 

Traduzido do site Oficial Arduino por Andre Castro Loyola ->  http://arduino.cc/en/Guide/ArduinoLeonardoMicro

Apostila Arduino 800px

1 Flares Twitter 0 Facebook 1 Google+ 0 1 Flares ×

Allan Mota

Estudante de Engenharia Elétrica da UFES, integrante da ERUS - Equipe de Robótica da UFES e Fundador do Vida de Silício. Sonhador com uma única pretensão, fazer a diferença.

You may also like...

  • Eduarde Brandão

    MEU ARDUINO LEONARDO NÃO ESTA SE COMUNICANDO MUITO BEM COM O MODULO HC-06 OQUE FAZER ?